Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãos Cheias de Nada

Retalhos dos meus dias tristes...

Mãos Cheias de Nada

Retalhos dos meus dias tristes...

23.Abr.16

Lost

CASAL_-1.PNG

 

 

Perdi-me?

Não…pelo contrário…encontrei-me…

Preferia que assim não fosse…tenho o olhar vazio… e as mãos cheias de nada.

A dor aperta-me o peito e sufoco nas palavras que não posso pronunciar…Gostava que conseguisses ler para lá do fundo dos meus olhos e sentisses a imensidão do meu desejo…Apaixonei-me…perdi-me…e encontrei-me…nas tuas mãos, no calor do teu corpo, na paixão dos teus beijos…dizer-te? Não, não o faço. Não preciso, não devo, ou simplesmente não quero…ou não posso…saraste-me uma ferida mas abriste-me outra… e talvez por isso te queira tanto…talvez por isso…sempre que a minha cabeça se deita na almofada e os meus olhos se fecham…a primeira imagem é tua…o primeiro sabor é o teu…consigo ver-te…nesse teu olhar sereno…consigo sentir-te…podia desenhar o teu corpo…sei-o de cor… Odeio-te! É verdade, odeio-te por não estares aqui… tantas vezes tenho vontade de te sacudir! Gritar-te aos ouvidos! Fazes-me bem demais! Dás-me asas, fazes-me voar, dás liberdade, como se nada se pudesse interpor no meu caminho...como se toda a confusão em que vivo fosse mera imaginação...Contigo sinto-me nua, despida de preconceitos...perco-me, encontro-me,reencontro-me e volto a ser feliz...

A teu lado dispo-me de pudores, visto-me de fantasias...Faço de ti o meu refúgio....Desejo-te! Quero-te! Quero sentir-te em mim…Quero afogar-me na saliva dos teus beijos, sentir o teu gosto, saciar o meu desejo, matar a minha sede...

Vem...Toma-me, lambuza-te no meu corpo, toca-me na pele, sussurra-me ao ouvido. Arrepia-me, faz-me tremer, gemer de prazer....

É na magia destas fantasias que crio e das quais fazes parte, que me perco....sonho acordada e perco-me na multidão em busca de alguém como tu....

Fazes-me esquecer a mágoa e o fel que me amargam a boca....fazes-me acreditar que as nuvens que me assombram, um dia darão lugar ao brilho das estrelas...

Ontem pensei demasiado em ti...o quanto queria que tivesses a meu lado...o quanto queria poder aninhar-me em ti. Fecho os olhos, enrosco-me nos teus braços e perco-me na imensidão do teu carinho....

Fazes-me acreditar que um dia encontrarei o meu caminho....

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.